terça-feira, 18 de agosto de 2015

[Resenhas] Limit, Terra Formars e Kill ia Kill


                                                                   Limit

  Mizuki Konno, é uma garota do colegial, e tem como amigas Sakura e Yano, que vivem praticando constantemente bullying com os outros alunos, mas Konno tenta não se envolver e muitas vezes fingi que não vê nada, resumindo, ela vive uma vida superficial e não se importa com ninguém, contanto que ela esteja bem.

  Mas quando sua turma estava indo para um acampamento da escola, o ônibus virou e caiu na floresta matando quase todos os alunos, só sobrevivendo Konno e outras quatro garotas, e dentre elas está uma garota gordinha que sofria bullying, e agora ela está descontando sua raiva em todo mundo, inclusive quem ela está com uma foice, e não obedecer o que ela diz, não é uma opção. E ai como a Konno vai conseguir sobreviver até um possível resgate chegar?

  "Quando comecei a ler ele, pensei logo se tratar de mais um romance colegial, mas ao avançar a leitura o mangá foi me surpreendendo e quando aconteceu o acidente, tipo, fiquei sem reação, sem mencionar na gordinha querendo matar todo mundo - que eu não gostei muito dela -, mas se você está procurando um mangá sobre sobrevivência, esse com certeza é um dos mais indicados."

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------




                                                           Terra Formars 

  A Terra, está chegando a possuir uma super população, e procurando uma solução foi criado um projeto de transformar habitável o planeta Marte, mas como isso ocorreu? Foram lançados em Marte, uma espécie de alga e de um organismo vivo, para que tornassem a temperatura normal para a habitação, mas passando 500 anos, foi enviado um grupo de astronautas para verificar os resultados, só que eles não retornarão.

  Shokichi Komachi, um japonês de 22 anos, com mais 14 pessoas está na segunda expedição a Marte, a principio apenas para ver o que ocorreu com a primeira expedição, e como está o planeta vermelho, mas o que realmente eles encontrariam lá? E o por que do primeiro grupo de astronautas não ter retornado?

  Sabe o organismo vivo que eles enviaram para Marte? Então, eram baratas, e elas meio que evoluíram para um tamanho de um humano, não apenas isso criaram uma inteligencia semelhante também, mas já vou adiantando que elas não serão muito amigáveis, até porque agora começara uma luta para voltar para casa, mas ainda os cientistas que enviaram os astronautas, estão escondendo muitas coisas que você vai descobrindo ao decorrer dos capítulos.

  "Já há um tempo vinha tendo uma curiosidade com a historia de Terra Formars, e poso falar? Ela me surpreendeu muito, com toda essa historia de mistura de genes humanos com de insetos, foi genial, mas o que mais gostei foi o que levou cada astronauta a participar da missão, e como foi lidado quando eles chegaram a Marte."

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------



                                                            Kill ia Kill

  Após a morte de seu pai, Ryuko Motoi, está a procura do assassino dele, mas ela tem apenas uma metade de uma tesoura - quase uma espada - que foi deixado para trás, e uma armadura que seu pai criou, que ao consumir o seu sangue lha da poderes incríveis.

  Mas a busca de Motoi, a levou a entrar em uma escola, mas não uma qualquer, lá os alunos são divididos por classe de poderes das estrelas "Goku", e quem comanda tudo é a presidente do conselho estudantil Satsuki, e por coincidência - ou não - ela sabe algumas coisas sobre a metade da tesoura de Motoi, então seria ela a assassina do seu pai?

  "Esse primeiro volume não revelou muitas coisas sobre a historia, mas deu para perceber que vai ser um tanto surreal as aulas dessa escola, só para imaginar, como você iria estudar lá sabendo que a possível assassina do seu pai, comanda tudo por lá? Ainda mais, ela já sabe que você sabe sobre ela, então vai ser um jogo de quem pega quem primeiro."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 renata massa