quarta-feira, 18 de outubro de 2017

[Resenha] O Coletor de Espíritos - Raphael Draccon


Ficha Técnica:

Livro: O Coletor de Espíritos
Paginas:
Ano: 2017
Autor: Raphael Draccon
Editora; Rocco
Selo: Jovens Leitores





Essa é a historia de Gualter, um garoto que saiu do seu vilarejo chamado Véu-Vale para a cidade grande. Ele se deu muito bem na vida profissional, se tornando um renomado psicólogo das celebridades, poderia dizer que estava feliz encontrando o amor da sua vida, mas lá no fundo ele sabia que não estava completo, faltava algo, ou melhor, algo o chamava...

Depois de dez anos sem ir a sua cidade natal, Gualter teve que retornar após receber uma ligação que sua mãe estava doente... É claro que não foi um reencontro amigável, porque ele tinha abandonado a todos há muito tempo... Só que ele precisava daquela visita mais do que imaginava...

Vamos falar um pouco sobre Véu-Vale!

Esse vilarejo não entrou na modernidade que temos hoje. Lá ainda não a energia elétrica e a vida das pessoas é bem simples e honesta. Mas o motivo para isso é as historias, ou melhor, as coisas que acontecem lá.

Dizem que o terceiro dia de chuva consecutiva é quando os espíritos ficam libertos e andam soltos pela cidade... Achou sinistro?  Então, isso é apenas o começo. Esses espíritos são os moradores que morrerão por lá, e acabam sempre procurado seus familiares, ou quem tiver a infelicidade de cruzar o seu caminho – e acabar morrendo...

Eu sei, o cenário é digno de um filme de terror. Mas a historia é muito mais que isso, porque iremos acompanhar a trajetória de Gualter em se redimir com a sua família – por seus anos ausentes.

Como ele fará isso? Digamos que ele terá que voltar da forma que ele saiu de lá – faz sentido? Ele tem que reconectar com as pessoas que ele deixou pra trás, mas essa é à parte fácil, porque como falei, essa historia dos espíritos tem um que de realidade, e Gualter vai ter que descobrir como eles se originaram – e acabar com eles.

Concluindo...


“Raphael Draccon conseguiu mostrar uma historia incrível, com personagens intrigantes que nos prendem do começo ao fim. Confesso que no começo é um pouco parado, mas quando descobrimos as historias sobrenaturais do vilarejo, sim, a coisa começa a mudar – e muito. Véu-Vale é bem interessante, mas também pela historia que esta por trás dos mitos... Enfim, foi uma ótima leitura.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 renata massa